Novo Auxílio Brasil

Novo Auxílio Brasil – Conheça o novo Programa do Governo

Na segunda feira, dia 09 de agosto,  o ministro da cidadania publicou nota de divulgação do “Novo Auxílio Brasil“, que é um programa do Governo Federal com o objetivo de atender as famílias carentes e substituir o Bolsa Família, em nota o novo programa tem objetivo de aumento de R$93,00 do valor do Bolsa Família que passa dos atuais R$190,00 mensais para R$283,50, o valor ainda não atende todas as necessidade de uma família, porém já estava prevista a necessidade de alteração do valor do benefício Bolsa Família a muito tempo.

O nome dado ao novo benefício que pretende ter a marca do presidente Jairo Bolsonaro é ” Novo Auxílio Brasil” desta maneira deverá ser aprovada PEC  que permite que o governo federal utilize recursos de privatização para aumento do novo auxílio emergencial, para ser aprovada é necessário 308 votos da câmara de deputados e 49 do senado, com a aprovação da PEC recursos de precatórios e parcelamento de dívidas vencidas deverão ser utilizados, também a sobra do benefício Auxílio Emergencial que funcionou com o enquadramento do perfil desta maneira famílias de um único integrante recebe atualmente o valor de R$150,00 (cento e cinquenta reais).

Além de deixar a marca da gestão do presidente Jair Bolsonaro o novo auxílio também deve manter o orçamento do benefício dentro do teto, não ocorrerá mudanças no cadastramento de famílias já beneficiadas pelo programa, o programa também deve aumentar o número de beneficiários, outros benefícios como auxílio material escolar, auxílio aos deficientes não serão excluídos, o programa também prevê como Benefício Compensatório de Transição a prevalência do valor maior do benefício ou seja a família que estiver cadastrada no cadastro único onde todos os benefícios somem um valor maior na transição para o novo benefício prevalecerá o valor do benefício maior.

Como Funciona?

O “Novo Auxílio Brasil” muda o nome do já conhecido “Bolsa Família” com o objetivo de encaixar no orçamento as famílias beneficiadas e também aumentar o número de famílias que recebem o benefício, porém ajustado as contas públicas o novo benefício atende uma situação de emergência dentro do orçamento.

Serão beneficiadas as famílias com renda inferior a R$80,00 (oitenta reais) por pessoa, consideradas famílias pobres ou extremamente pobreza, atualmente o Bolsa Família atende principalmente as famílias extremamente pobreza uma vez que o valor é contestado por muitos economista por não permitir a compra de uma cesta básica inteira.

O novo benefício deve ser votado no final do mês de setembro para que possa ser implementado até o mês de outubro, está previsto alteração no nome do benefício e adequações no cadastro único de famílias carentes, o novo benefício atenderá 16 milhões de famílias, enquanto o atual Bolsa Família atende apenas 14,6 milhões.

Qual o Valor do Auxílio Brasil?

O “Auxílio Brasil” terá o valor de R$283,50 (duzentos e oitenta e três reais e cinquenta centavos), segundo o ministro da cidadania o novo programa tem orçamento de R$53 milhões desde que seja aprovada a PEC e utilizado recursos de privatização.

Quem tem direito a receber o Auxílio Brasil?

Tem direito a receber o ” Auxílio Brasil” as famílias que estiverem cadastradas no Cadastro Único e que comprovada renda inferior a R$80,00 (oitenta reais) por integrante familiar, também serão beneficiários jovens e famílias com crianças pequenas de acordo com termos de benefícios adicionais previsto no novo programa “Auxílio Brasil”.

Quais benefícios prometidos do Auxílio Brasil?

Os benefícios prometidos são auxílio na renda no valor de R$283,50 (duzentos e oitenta e três reais e cinquenta centavos), e outros benefícios criados no perfil do presidente servidor militar como por exemplo o auxílio esporte escolar e bolsa de iniciação científica para estudantes com excelente desempenho escolar.

O presidente Jair Bolsonaro também prevê negociação com a Petrobrás de um vale gás, atualmente os Centros de Referência Social oferecem um valor para as famílias carentes como vale gás, este benefício também chegou a ser considerado no Auxílio Emergencial, porém dentro no orçamento não será oferecido um valor para compra do gás e sim o vale gás, o presidente Jairo Bolsonaro prevê negociação com Petrobrás o objetivo é que as famílias beneficiárias recebam um vale que poderá ser trocado por gás na rede de distribuição da Petrobrás.

Veja, todos os benefícios do Auxílio Brasil:

  • Auxílio Esporte Escolar: Destinada aos estudantes de 12 (doze) a 17 (dezessete) anos de idade com excelente desempenho físico e que tenham destaque e participem dos jogos escolares.
  • Auxílio a Criança Cidadã: Famílias com crianças que tenham até 2 (dois) anos de idade e não conseguiram vagas em creche, para este benefício não será necessário comprovação de renda.
  • Auxílio Inclusão Produtiva Rural: É destinado aos agricultores inscritos no Cadastro Único (CADUNICO) , o benefício será concedido por um período de 3 (três) meses.
  • Auxílio Inclusão Produtiva Urbana: Auxílio para famílias com renda insuficiente ou menor do que o valor de R$80,00 (oitenta reais) por pessoa da família.
  • Benefício Compensatório de Transição: Caso ocorra que na transição para o novo benefício “Auxílio Brasil” o valor seja inferior ao recebido pelo Bolsa Família, neste caso prevalece o valor do benefício maior.
  • Bolsa Iniciação Cientifica Junior: Destinada aos estudantes de 12 (doze) a 17 (dezessete) anos de idade que sejam membros do benefício Auxílio Brasil por meio de cadastramento no CADUNICO e que tenham excelente desempenho em competições e projetos acadêmicos e científicos, não há número máximo de beneficiário por núcleo familiar, e o benefício deve ser recebido por um ano após 12 (doze) meses poderá haver nova inscrição.
  • Benefício Composição Familiar: Diferente do Bolsa Família que limita o beneficiário jovens com 17 (dezessete) anos o benefício será uma ajuda extra aos jovens de 18 (dezoito) a 21 (vinte e um) anos de idade incompletos, o objetivo é incentivar esta faixa etária a conclusão da educação básica e curso profissionalizante.
  • Benefício Primeira Infância: Família integrantes do “Auxílio Brasil” que tenha criança até 3 (três) anos de idade.
  • Benefício de Superação da Extrema Pobreza: Se após receber o benefício a renda mensal da família não superá a linha da extrema pobreza, será dado benefícios adicionais e apoio financeiro de acordo com o número de integrantes da família.

Como fazer o cadastro no Auxílio Brasil?

O cadastro deverá ser feito por meio dos Centros de Referência Social CRAS , assim como é feito com o Bolsa família, as famílias cadastradas receberão ou ativarão o Número de Inscrição Social (NIS) e o recebimento deve ser feito por meio do aplicativo Caixa Tem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *